Raio atinge repórter que fazia previsão do tempo, veja o vídeo

Raio atinge repórter que fazia previsão do tempo, veja o vídeo

O repórter chinês Lu Xiaodong foi atingido por um raio enquanto fazia a previsão do tempo para a cidade de Dalin, na província nordeste de Liaoning. O acidente meteorológico aconteceu na última segunda-feira (24).

Xiaodong realizava um link ao vivo para informar que fortes tempestades atingiriam a cidade de Dalin. Durante a transmissão, ele foi atingido por um raio. Por sorte, o repórter não teve ferimentos graves. Ele disse, em entrevista posterior, que viu as faíscas saírem de suas mãos e do guarda-chuva do repórter cinematográfico, que também não se feriu de forma intensa.

Assista:

Fonte: Feedclub

Em memória do gorila Harambe! Veja esses 2 vídeos de casos parecidos com final feliz

gorila heroi

 

A morte do gorila Harambe, de 17 anos, gerou revolta. Após uma criança de quatro anos cair na área dele, surgiu o medo do primata matá-la, e os tratadores do zoológico no estado americano de Ohio mataram o animal antes, com um tiro.

Mas se levarmos em conta o histórico de muitos animais, é mais fácil eles serem heróis, e não os vilões. Veja alguns exemplos abaixo!

 

1
A gorila Binti Jua salvou um menino de 4 anos de idade.

Binti Jua ficou conhecida em 1996, quando um menino de 4 anos, num descuido dos pais, caiu no fosso dos gorilas no zoológico Brookfield, em Chicago.

No momento da queda, a criança bateu a cabeça e desmaiou. Naquele instante, começava o pânico entre os visitantes do zoológico. As pessoas começaram a gritar quando viram um gorila se aproximando, acreditando que ele pudesse machucar o bebê desfalecido. Ao contrário do que todos imaginavam, Binti Jua, que significa “Filha do Sol Nascente” em Swahili, chegou perto da criança e como uma mãe protetora, segurou-o no colo, afastou os demais gorilas presentes no fosso e se dirigiu até a porta pela qual os tratadores tinham acesso.

Ali, parou e começou embalar a criança até que ouviu o barulho dos cuidadores abrindo a porta. Nesse momento, a gorila de 8 anos deixou carinhosamente o menino deitado no chão e se afastou para que pudessem prestar socorro.

Após o acontecido, iniciou-se um debate a respeito da ação da gorila Binti Jua; se se tratava apenas de um comportamento para o qual ela já fora treinada ou se era uma clara demonstração de empatia animal. As opiniões eram divergentes, entretanto, o primatologista Frans de Waal alegou que a atitude foi uma demonstração de empatia, algo já observado outras vezes no mundo animal, não apenas em meio a grupos de gorilas.

Há 20 anos, no zoológico de Chicago, a gorila Binti Jua, então com 8 anos, salvou um menino que havia caído em sua jaula, enquanto carregava seu próprio bebê nas costas
2
Em 1986, outro gorila salvou uma criança de sua jaula.
Um gorila ajudou a salvar uma criança no zoológico de Jersey, após ela cair na área dele e sangrar muito. Em nenhum momento ele demonstrou qualquer agressividade contra ela.
Fonte: R7

[Vídeo] Homem paga multa de trânsito com 22 mil moedas de um centavo

protesto-bizarro-multa

 

Homem considerou uma ‘extorsão’ e disse que estava fazendo isso em forma de protesto. Vídeo faz sucesso na Internet

Um norte-americano teve a ideia de protestar contra uma multa de trânsito que recebeu na cidade texana de Frisco pagando com nada menos do que 22 mil moedas de um centavo de dólar.

Ao todo, dois baldes lotados de moedas foram levados por Brett Sanders à Prefeitura de Frisco e, lá no balcão, ele despejou tudo aquilo na frente da funcionária do local. Aproveitou e registrou tudo em vídeo, veja!

“Não sou um grande fã de extorsão”, escreveu Brett no texto quando publicou no YouTube o vídeo da cena, usando a hashtag #ResistTheft (“resista ao roubo”, em inglês). “Fui condenado por dirigir a 39 [milhas por hora] em uma zona de 30, e recebi uma multa de US$ 212 [cerca de R$ 760]”.

Fonte: Yahoo
Vídeo Reprodução: YouTube

Google anuncia: cabo digital submarino vai ligar São Paulo ao Rio de Janeiro

google-anuncia

Um cabo digital submarino de 390 quilômetros vai conectar a cidade da Praia Grande, na Baixada Santista, à Praia da Macumba, no Rio de Janeiro. O anúncio do plano foi feito na quinta, 17, pelo Google. Para a construção do cabo de fibra óptica, o buscador informou que utilizará 100% de tecnologia nacional, marcando a “entrada do Brasil no mercado global de repetidores e cabos oceânicos de dados”.

“Reafirmando o nosso compromisso de longo prazo com o mercado brasileiro, o novo cabo de fibra óptica entre São Paulo e Rio de Janeiro será desenvolvido em parceria com a Padtec, empresa de Campinas já mundialmente conhecida no setor de sistemas de transportes óptico terrestres”, publicou Cristian Ramos, gerente de parcerias de desenvolvimento de infraestrutura de internet para a América Latina.

A empresa complementa que a solução vai ampliar e melhorar a infraestrutura digital na América do Sul e conectar o Brasil a outros dois cabos oceânicos já presentes na região. O início da operação do sistema está previsto para o segundo semestre de 2017.

A incrível transformação de uma mulher que pesava mais de 400kg

A incrível transformação de uma mulher que pesava mais de 400kg
A incrível transformação de uma mulher que pesava mais de 400kg
A incrível transformação de uma mulher que pesava mais de 400kg

A Obesidade mórbida pode chegar a níveis extremos, por exemplo, Mayra Rosales era uma jovem que sofria da doença, na qual ela sequer fazia suas necessidades sozinha.

Em 2008, a mulher se tornou conhecida nacionalmente ao dizer que havia matado o sobrinho de dois anos sufocado após rolar sobre ele. De acordo com informações do jornal ‘The New York Daily News’, na época, Rosales ganhou o apelido de “a assassina de meia tonelada”.

Durante as investigações, a polícia descobriu que a criança morreu por ter sido agredida pela mãe e Rosales havia mentido para proteger a irmã. Muito acima do peso, as acusações contra ela foram retiradas. Em liberdade, a mulher aproveitou para fazer uma cirurgia bariátrica e emagrecer.

“Eu estava morrendo”, disse Mayra à rede de televisão americana ‘KTRK’. “Você podia ver no meu rosto que eu tinha desistido da vida”.

Seja pra ir ao banheiro ou até mesmo levantar da cama, a família de Mayra cuidava da moça o dia todo. Mas ela, cansada daquela situação, resolveu mudar. “Antes eu vivia para comer”. Atualmente, Rosales tem uma vida mais saudável e, sete anos após a cirurgia, emagreceu mais de 300kg. Ela também foi submetida a 11 procedimentos para remover o excesso de pele.
Com a ajuda de um médico, ela fez uma operação onde retirou parte de seu corpo. Só assim a jovem poderia trabalhar seu corpo em cima do restante.
Mas a jornada de Mayra só estava começando, pois ela teve uma rotina muito intensa com exercícios complexos e uma rigorosa dieta.

Toda a jornada de Mayra Rosales foi publicada no Facebook, onde ela faz questão de falar sobre os altos e baixos do processo. Sua página tem mais de 73 mil seguidores. “Eu me sinto renascida. Viva. Não perca a esperança e continue lutando. Só temos uma vida e vale a pena lutar por ela”, aconselha.

Rosales ainda deseja emagrecer um pouco mais e chegar aos 70kg. Além disso, a americana luta na justiça para conseguir adotar os sobrinhos, filhos da irmã dela, Jaime Lee Rosales, que está presa pelo assassinato do filho de dois anos.

Mayra Rosales – Foto (Facebook)
Mayra Rosales – Foto (Facebook)
Mayra Rosales – Foto (Facebook)

Mulher procura médico por causa de dor na barriga e veja o que foi tirado de dentro dela

Mulher procura médico por causa de dor na barriga e veja o que foi tirado de dentro dela
Mulher procura médico por causa de dor na barriga e veja o que foi tirado de dentro dela
Mulher procura médico por causa de dor na barriga e veja o que foi tirado de dentro dela

Uma mulher de 37 anos foi submetida a uma ultrassom para tentar identificar o que estaria causando tantas dores abdominais.

Após sair o resultado nem os médicos acreditaram no que teria naquela mulher e, rapidamente, foi feita uma cirurgia de quase 2 horas.
Makhan Lal Saha, foi operada e cerca de 360 pedras foram retiradas de dentro da mulher, fato que até os médicos ficaram chocados.
A causa daquele grande número de pedras dentro da mulher possivelmente pode ser o alto colesterol que ela teria, ou também por beber pouca água durante o dia.
Após a cirurgia, ela está em casa se recuperando por alguns dias e ao ser questionada se gostaria de levar as pedras para casa ela não pensou duas vezes em recusar.

Afinal, que péssima lembrança seria não é mesmo?